Boom e bust na economia brasileira

O gráfico abaixo mostra a evolução da absorção doméstica da economia brasileira no pós crise de 2008 (consumo das famílias, gastos do governo e investimento). A taxa de 10% ao ano era claramente insustentável, com ampliação de 8% do PIB e o restante sendo financiado por deficit externo com explosão das importações. A alavancagem de crédito […]

A espiral centro periferia

A espiral acima foi construída a partir da plotagem do ranking de países do atlas da complexidade econômica de 2014 num espaço de coordenadas polares. Os países do centro da espiral (Japão, Alemanha e Suíça) são os mais complexos de uma série de 122. Os países da periferia da espiral (Sudão, Guiné e Yemen) estão entre os […]

Bretton Woods revival, política cambial e a reducao da pobreza na China

A China representa atualmente um bom exemplo da estratégia de política cambial perseguida pelos asiáticos. No seu relatório de 1993, o Banco Mundial também ressalta a importância de uma política de desvalorização cambial deliberada do governo chinês presente na estratégia de promoção de exportações e crescimento desde o final dos anos 70 (World Bank 1993, pg.59, […]

Viva os retornos crescentes

As maiores fortunas na bolsa brasileira foram feitas com fábricas. Plascar, Forjas Tauros, Weg, Embraer estão entre as empresas que tiveram seu valor em bolsa multiplicado por múltiplos de 5, 10, 20 e até 100x. As empresas industriais têm uma característica comum não encontrada na maioria das empresas do setor de serviços ou no agronegócio, […]

Mapa com todos empregos do mundo

O gráfico acima mostra dados de % de empregos para 35 países no mundo a partir das bases da WIOD  (http://www.wiod.org/new_site/home.htm) para 2011. Os países ricos a direita se caracterizam por ter um grande setor de serviços sofisticados (barras em rosa). Os pobres à esquerda (em termos de renda per capita) tem enorme contingente da […]

Anatomia de uma bolha econômica

O brilhante economista e professor da Universidade de Cambridge, Gabriel Palma, analisou nos anos 90 as rotas para as crises financeiras na Asia e America Latina. Num belíssimo texto com o título ‘Three routes to financial crises` Palma mostrou como México, Brasil, Argentina, Coréia do Sul, Malásia, Tailândia e Indonésia caminharam para uma grande crise […]

Os municipios mais ricos do Brasil

Para Adam Smith a divisão do trabalho explicava a riqueza das nações. O maior aprimoramento das forças produtivas do trabalho em relação a habilidade, destreza e bom senso com os quais o trabalho é em toda parte dirigido ou executado parecem ter sido resultados da divisão do trabalho.  A DIVISÃO DO TRABALHO É LIMITADA  PELA EXTENSÃO […]

Keynes: trader, especulador e investidor

Além de ter sido o economista mais importante do século XX, John Maynard Keynes fez uma pequena fortuna no mercado acionário, numa de suas facetas pouco conhecidas por analistas e estudiosos do tema. Em 1946, 5 meses depois de sua morte, os números de seu patrimônio vieram a público: 480,000 pounds da época ou o […]

Alavancagem no Brasil e no Mundo

O principal motor de crescimento no Brasil nos últimos anos foi a expansão do crédito. O estoque crédito/PIB saiu de 20% em 2002 e foi próximo a 60%. Houve forte expansão no crédito imobiliário, crédito para consumo e automóveis. O crédito nos bancos públicos também aumentou de forma considerável e o tesouro injetou mais de […]

O mapa da produtividade no Brasil

O gráfico acima mostra a produtividade dos diversos subsetores da economia brasileira em 2011. os dados são do GGDC (http://www.rug.nl/ggdc/productivity/10-sector/ ). A produtividade e’calculada como valor adicionado do subsetor/numero de ocupados no subsetor. Os serviços empresariais e a industria são os setores que mais empregam e tem maior produtividade entre os setores que empregam. O […]

O milagre asiatico visto da ótica do aumento de complexidade

As oito principais economias asiáticas, Japão, Coréia do Sul, Taiwan, Cingapura, Hong Kong, Indonésia, Malásia e Tailândia cresceram em termos per capita a uma taxa de 5,5% ao ano no período 1965-1990. Nos anos 90, mesmo com a crise de 1997, a taxa média de crescimento per capita desses países, com a exceção do Japão, […]