O estouro da bolha brasileira

O gráfico acima mostra a evolução da absorção doméstica da economia brasileira no pós crise de 2008 (consumo das famílias, gastos do governo e investimento). A taxa de 10% ao ano era claramente insustentável, com ampliação de 8% do PIB e o restante sendo financiado por deficit externo com explosão das importações. A alavancagem de […]

Antonio Serra explica a riqueza de Veneza e pobreza de Nápoles nos 1600

Veneza se tornou poderosa aos olhos de Antonio Serra porque conseguiu criar um cluster de indústrias, inovação, comércio e pessoas qualificadas, num processo de cumulação causativa a la Myrdal. Estes fatores juntos colocaram Veneza numa trajetória diferente daquela em que Nápoles se encontrava. Para A. Serra, Nápoles não seria capaz de resolver seus problemas econômicos […]

QE4 em 2013

Bernanke anunciou em Dezembro o QE4: compra de títulos de longo prazo em 2013 sem vender títulos de curto prazo da carteira do FED que já acabaram. As compras seguirão até que o desemprego caia abaixo de 6,5% ou a inflação ultrapasse 2,5%. Somado ao QE3 haverá um injeção de aproximadamente 85 bilhões de dólares […]