Inglaterra: a nação protecionista

Nos trechos abaixo destacados do livro Translating Empire de Sophus Reinert a Inglaterra surge como a grande nação protecionista do século 17. Impressiona o relato feito por John Cary em seu livro publicado em 1695 em Bristol sobre as pesadas praticas protecionistas e nacionalistas da Inglaterra nos séculos 16 e 17. Os ataques “comerciais” a […]

Doença holandesa definida como perda de complexidade econômica (ECI)

O gráfico acima mostra os principais produtos de exportação para 102 países no mundo em 2013; porcentagem da pauta (%) no eixo Y, complexidade econômica (ECI) do pais no eixo X e ao lado do pais o nome do principal produto. Países ricos exportam bem complexos e tem uma pauta exportadora bastante diversificado, países pobres […]

O governo Dilma antes da crise

A taxa de 10% ao ano de crescimento da absorção doméstica da economia brasileira (consumo das famílias, gastos do governo e investimento) no pós crise de 2008 era claramente insustentável, com ampliação de 8% do PIB em 2010 e o restante sendo financiado por deficit externo com explosão das importações. A alavancagem de crédito (imobiliário e […]

PIMCO: a Supernova do crédito no mundo

Por que o mundo não cresce mais como antigamente? A meu ver dois fenômenos da última década ajudam a explicar essa nova estagnação secular: excesso de divida e excesso de oferta. A explosão do endividamento publico e privado vem já desde os anos 90, tendo certamente os EUA como motor principal. O motor da renda […]

Preços dos cortes de cabelo e renda per capita no mundo 

O gráfico acima mostra a relação entre renda per per capita dos diversos países e preço dos cortes de cabelo em 2015. As diferenças são gigantescas conforme podemos perceber comparando os países pobres e ricos. A pergunta que fica é: se a produtividade de um cabeleireiro é absolutamente a mesma em todos os lugares do […]

Uma crítica à teoria institucional de Douglass North a partir da perspectiva de complexidade econômica 

Dentro de países temos as mesmas instituições e brutais diferenças de produtividade entre regiões e cidades. Como explicar isso se estão todos sob o mesmo manto Institucional? Como explicar a diferença de produtividade de NY e Alabama? Ou de São Paulo e Sergipe? Ou Ainda do Norte e do Sul da Itália? A explicação da […]

Baumol explica porque a indústria é mais produtiva do que os serviços

Baumol dá uma explicação muito elegante para essa distinção: quando o trabalho é uma atividade fim (educação, saúde e lazer, que são “tecnologicamente NAO progressivas”) a mecanização e alcance de economias de escala é muito mais difícil, se não impossível; ao contrário das atividades em que o trabalho é uma atividade meio, por exemplo manufaturas que […]

Para entender a riqueza e pobreza das nações hoje: um elo perdido na historia do pensamento econômico

Nesse maravilhoso livro sobre Os Ensaios de John Cary, Sophus Reinert trata do elo perdido na historia do pensamento economico que acabou colocando a teoria econômica num beco sem saída para explicar o desenvolvimento econômico. O desserviço maior foi feito por D.Ricardo com a “estapafúrdia” hipótese de que “o que se produz não importa”. Como […]

Desigualdade Econômica e Complexidade no Brasil

Em maravilhoso paper sobre o tema, Hartmann et al (2016) mostram que o enorme avanço em termos de redução de desigualdades da Ásia dinâmica está relacionado ao aumento da sofisticação produtiva e complexidade econômica. A manutenção da desigualdade da América Latina se deve a uma estrutura produtiva ainda “arcaica”, baseada em commodities, de baixa complexidade e […]

A diferença entre Lula I e II: manufaturas e commodities

A primeira fase do governo Lula foi caracterizada por forte expansão da industria e exportação de manufaturas. Isso pode ser visto na evolução da composição da pauta de exportação e na grande expansão da produção industrial. A segunda fase do governo Lula se caracterizou por forte expansão do credito e retração das manufaturas na pauta […]

Raio X das contas publicas no Brasil

O Gráfico abaixo mostra um raio-x das contas públicas brasileiras. As três grandes contas da república são previdência do sistema INSS (aproximadamente 35M de pessoas), previdência do setor público (aproximadamente 1M de pessoas) e juros da dívida (bancos, fundos de investimento e de pensão públicos e privados). Somando essas contas chegamos a 17% do PIB. […]

Produtividade intra-setores e entre-setores: ou por que o trabalhador industrial é mais produtivo do que o cabeleireiro?

Rodrik traz uma perspectiva muito relevante para o estudo da produtividade em países emergentes. Destaca dois tipos de ganhos de produtividade relevante nos países: “within” e “between”. Nos aumentos de produtividade “within” um setor fica mais eficiente; digamos um cabeleireiro corta mais cabelos por dia ou uma fábrica produz mais carros por dia. Nos aumentos […]