Alexander Gerschenkron, um gigante da historia e da economia

*escrito com Rodrigo Medeiros Alexander Gerschenkron nasceu em 1904 na Ucrânia. Com a Revolução Russa de 1917, a família fugiu para a Áustria. A ascensão do nazismo o levou a buscar refúgio nos EUA em 1939. Foi entusiasta do New Deal e colaborou com estudos para o Plano Marshall. Sua carreira acadêmica foi em Harvard, […]

A América Latina não conseguiu completar o salto dos produtos simples para os produtos complexos

No mapa acima podemos observar a evolução da complexidade dos 5 principais países da região: Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e México. Ate o inicio dos anos 80, Brasil, Argentina e México apresentavam ainda elevada complexidade econômica que foi sendo perdida ao longo das décadas seguintes. Com exceção do México, graças a questão a ser discutida […]

Matrículas abertas de 13/Jul a 17/Jul para o curso online EAD: por que o Brasil não é uma nação rica?

Por que o Brasil ainda é um país pobre e injusto? Entenda de forma simples em 10 aulas porque o Brasil não conseguiu alcançar o patamar de nação rica. Os temas principais tratados no curso para entender essa questão serão: desenvolvimento econômico, desigualdade e complexidade. O curso é voltado para estudantes de graduação em economia […]

Iphone, Embraer e Concorde: o que há em comum?

Algumas das tecnologias usadas no novo boeing 787 foram testadas e desenvolvidas pela Nasa. Num processo recente na organização mundial do comércio sobre subsídios na aviação a Airbus chamou o novo boeing 787 dreamliner de “subsidyliner”: o avião que mais recebeu subsídios do governo na história da aeronáutica: 5bi U$ do tesouro americano em subsídios […]

A analise qualitativa de produtos é fundamental para entender o desenvolvimento econômico

As atividades com altos retornos crescentes exibem fortes externalidades de redes e dinâmicas de aglomeração onde os “first movers” ganham posição de destaque no mercado. São dinâmicas com lock in e portanto “path dependent”. O filet mignon da produtividade está nessas atividades “complexas”. O resto é commodity e serviços não sofisticados. Os serviços sofisticados dependem […]