Redes complexas bipartites para entender o Desenvolvimento Econômico

Hidalgo e Hausmann (2011) fizeram um dos maiores breakthroughs empíricos da historia recente para o entendimento do que e’o desenvolvimento econômico. Imagine a rede abaixo com 3 países e 5 produtos: e’ rico o pais mais diversificado e que produz o que é mais incomum (não ubíquo). Imagine agora a mesma rede (acima) em termos […]

A rede dos sabores

Alho, tomate e cebola. A rede de ingredientes culinários acima retirada de um trabalho de físicos sobre o tema (paper aqui) consiste de 381 nós (ingredientes) ligados à partir da presença comum de 1.021 compostos químicos de sabor. Nesta rede dois nós (ingredientes) estão conectados se compartilharem pelo menos um composto químico de sabor (Figura […]

Só a Educação não basta para o Desenvolvimento Economico

Da perspectiva da complexidade econômica, a “educação produtiva relevante” do país é o conhecimento tácito que está nas empresas e nas atividades e, portanto, não se aprende na escola. É uma questão de on the jobexperience. Medindo a complexidade, o Atlas capta bem melhor o conhecimento relevante para produzir. Um músico ou um tenista tem, por exemplo, […]

Produção de carros no mundo: visual em rede complexa

A rede abaixo com 117 países e 4.822 links mostra a configuração do comercio mundial de carros representada pelos principais exportadores do mundo. Japão se destaca exportando para 204 países em 2014, de um total de 234 países no mundo. Quanto maior o HUB, maior a quantidade de países atingidos pelo pais exportador. Trata-se de […]

A rede global de patentes: manufaturas dominam

A rede acima apresenta um mapa global de 6 milhões de patentes que caracterizam a proximidade e dependência entre áreas tecnológicas. Aborda a estrutura tecnológica incorporada na rede de conexão entre patentes. A distância entre as áreas de tecnologia baseia-se na análise da co-ocorrência de códigos IPC atribuídos aos documentos de patente individuais. A classificação […]