Curso EAD Online a Historia Econômica do Brasil com Uallace Moreira

O objetivo deste curso é apresentar e discutir, do ponto de vista histórico-estrutural e macroeconômico, as principais características e especificidades da economia brasileira, no seu processo de desenvolvimento até os dias atuais, com particular destaque para a evolução da inserção do país na ordem internacional. O curso inicia com uma breve discussão sobre a formação econômica do Brasil e a transição de sua economia colonial para uma economia nacional – com a constituição do Estado Nacional brasileiro.Na sequência, o curso considera a evolução do Padrão de Substituição de Importações, destacando-se dois períodos distintos, denominados, respectivamente, de Nacional-Desenvolvimentismo (1030/1954) e Desenvolvimentismo Associado-Dependente (1955/1980).  Destacam-se a sua estrutura e dinâmica, o papel fundamental do Estado, a construção da indústria de base, a internacionalização da economia a partir da 2ª metade dos anos 1950 e o Plano de Metas, a crise da 1ª metade da década de 1960 e o PAEG, o período do “milagre brasileiro” e a posterior desaceleração do crescimento e o II PND. Posteriormente, o curso analisa os principais momentos da crise estrutural da economia brasileira iniciada no começo dos anos 1980 (crise estrutural do chamado Modelo de Substituição de Importações); com ênfase na sua natureza e dinâmica e nas diversas políticas (fracassadas) de estabilização utilizadas no período: a política econômica ortodoxa adotada pelo Governo Figueiredo (denominada de Ajuste Monetário do Balanço de Pagamentos) e os planos heterodoxos de combate à inflação (Plano Cruzado, Plano Bresser e Plano Verão), conduzidos pelo Governo Sarney. No período mais recente, o curso aborda as principais tendências do capitalismo contemporâneo (Reestruturação Produtiva, Globalização e as Políticas Neoliberais) e a inserção dos países periféricos nessa nova realidade, com a apresentação e análise da constituição e consolidação, ao longo dos anos 1990 e 2000, de um novo padrão de desenvolvimento capitalista no Brasil. Em particular discute o chamado “Consenso de Washington”, o Plano Collor e o Plano Real – origem, implementação, impactos e crise. Adicionalmente, analisa, comparativamente, os Governos FHC e os Governos Lula, Dilma e Temer. Nesse curso passamos toda nossa experiência de mais de 20 anos como professores de economia em diversas universidade e escolas. O curso é voltado para leigos, estudantes de graduação em economia e ciências sociais, alunos de mestrado e doutorado ou professores que queiram utilizar essa metodologia em seus cursos. As aulas são transmitidas em vídeos didáticos e simples, podendo ser acompanhados por quem não é economista. Cada aula tem duração média de uma hora. O programa tem 20 horas de conteúdo online e duração média estimada de 3 meses, mas pode ser feito no ritmo que melhor se adequar a cada participante. As aulas podem ser assistidas em smartphones, tablets e desktops. A inscrição no curso inclui consultoria Online por Chat e e-mail  para discussões, esclarecimentos de dúvidas e questões relacionadas aos temas das aulas. O prazo do curso é ilimitado.


Clique aqui para checar disponibilidade de matricula!


I – A Formação Econômica do Brasil 


1- O Antigo Sistema Colonial Mercantilista

2- A Economia Colonial no Brasil

3- A Crise do Sistema Colonial Mercantilista

4- O processo de industrialização


II- A Evolução Do Padrão De Substituição De Importações


1- O Nacional-Desenvolvimentismo (1930/1954)

a) A Revolução de 1930 e o 1º Governo Vargas

b) 2º Governo Vargas: a retomada do nacional-desenvolvimentismo

2- O Desenvolvimentismo Associado-Dependente (1955/1980)

a) O plano de metas e a internacionalização da economia brasileira

b) A crise dos anos 1960 e o PAEG

c) O “milagre brasileiro”

d) A desaceleração do crescimento e o II PND


III – A crise dos 80 e hiperinflação 


1- A Crise do Padrão de Substituição de Importações

2- O FMI e o Ajuste Monetário do Balanço de Pagamentos (1981/1984)

3- A Nova República e o Plano Cruzado (1985/1989)


IV – A nova (des) ordem internacional e a era liberal


1- Reestruturação Produtiva, Globalização e Neoliberalismo

2- Os Países Periféricos e o Consenso de Washington

3- O Governo Collor/Itamar e o Neoliberalismo (1990/1994)

4- O Plano Real: fundamentos, implementação, impactos e crise (1993/1998)

5- Governos FHC (1995/1998 e 1999/2002): dinâmica e política macroeconômica

6- Governos Lula (2003/2006 e 2007/2010): dinâmica e política macroeconômica

7- Os Governos Dilma e Temer (2011/2018)


V – Conclusão 


Clique aqui para checar disponibilidade de matrícula


Bibliografia no curso:

Programa – Uallace Moreira e Paulo Gala


 

Deixe uma resposta