Curso EAD Online Brasil uma economia que não aprende, com André Roncaglia

Nosso curso percorremos a história das ideias econômicas sobre a riqueza “invisível” das nações: o conhecimento. O incrível avanço da ciência e da tecnologia nos levou do motor a vapor à eletricidade, do transístor aos semicondutores, e do computador à inteligência artificial. A humanidade sempre dependeu do conhecimento para dar saltos qualitativos na organização econômica. A história econômica das nações é a própria evolução do conhecimento aplicado à produção, ao comércio e às finanças. Neste sentido, aprender significa assimilar as forças da realidade e submetê-las ao domínio da razão humana. Para o bem ou para o mal, o conhecimento é o motor invisível da prosperidade econômica. Na marcha do desenvolvimento das nações, é preciso correr muito para manter a sua posição. Quem custa a aprender, fica para trás. O Brasil deixou de aprender a partir dos anos 1980 e, desde então, vem “esquecendo” as competências produtivas que lhe garantiriam um destaque proporcional às suas grandeza territorial e riqueza natural. A partir de experiências internacionais de sucesso de políticas industriais e de pesquisa e desenvolvimento, o livro aponta os erros que o Brasil cometeu, bem como os acertos que não prosperaram e por quê. Fugindo de polarizações ideológicas simplistas, o livro argumenta que uma combinação dinâmica entre mercado, Estado e sociedade civil é fundamental para canalizar a energia social rumo à expansão das capacidades tecnológicas do país. Uma estrutura produtiva mais sofisticada gerará empregos de melhor qualidade, capazes de aproveitar os investimentos em educação que os cidadãos tão arduamente fizeram. O resultado é maior bem-estar, com menor desigualdade e mais oportunidades para todos os que cooperam pela prosperidade coletiva.

O curso é voltado para estudantes de graduação em economia e ciências sociais, alunos de mestrado e doutorado ou professores que queiram utilizar essa metodologia em seus cursos. As aulas são transmitidas em vídeos didáticos e simples, podendo ser acompanhados por quem não é economista. Cada aula tem duração media de 2 horas, divididas em 4 vídeos de 30 minutos que podem ser assistidos separadamente. O curso tem 20 horas de conteúdo online e duração média estimada de 3 meses, mas pode ser feito no ritmo que melhor se adequar à cada participante. As aulas podem ser assistidas em smartphones, tablets e desktops e ficarão disponibilizadas na web por até 1 ano, mas esse prazo pode ser ampliado se houver necessidade. Nesse curso passamos toda nossa experiência de mais de 15 anos com pesquisas e cursos na área de Desenvolvimento Econômico, Macroeconomia, Economia Brasileira. O curso tem uma linguagem simples, didática e direta, sem abrir mão do rigor cientifico. Disponibilizamos também amplo material bibliográfico, dados e gráficos para download que complementam as discussões das aulas Online. A inscrição no curso inclui consultoria Online por Chat e e-mail  para discussões, esclarecimentos de dúvidas e questões relacionadas aos temas do Curso.


1. Introdução


1.1 – Da indústria para o uber no Brasil


2. O segredo da riqueza das nações está na fábrica de alfinetes


2.1 – Divisão do trabalho e retornos crescentes de escala
2.2 – Desenvolvimento balanceado ou desequilibrado?
2.3 – Bangladesh e Vietnã
2.4 -O setor de serviços


3. Breve história da origem do pensamento sobre desenvolvimento econômico


3.1 – List contra Ricardo
3.2 – As manufaturas da Nova Inglaterra
3.3 – Aço na Coreia do Sul
4.4 – Navios na Coreia e China


 4. Um mundo com centro e periferia


4.1 – Países ricos são industrializados e países pobres são primário-exportadores
4.2 – O café no Brasil
4.3 – O mercado de cosméticos no mundo


 5. Quem sai na frente costuma ganhar o jogo industrial


5.1 – Redes produtivas e dinâmicas de aglomeração
5.2 – Shenzen
5.3 – Mittlestand na Alemanha


6. Estruturas produtivas sofisticadas enriquecem países


6.1 – Complexidade econômica e sofisticação produtiva
6.2 – A escada tecnológica
6.3 – Hubs de conhecimento
6.4 – Diversificação produtiva gera complexidade
6.5 – Política industrial para sofisticação produtiva


7. Redes complexas são necessárias para se produzir bens sofisticados


7.1 – Educação não é tudo o que precisamos para alcançar o desenvolvimento econômico
7.2 – Externalidades em rede e topocracias
7.3 – Ataris e supercomputadores


8. A sofisticação produtiva depende da geração e acúmulo de ideias


8.1 – As ideais de Paul Romer
8.2 – Produzir conhecimento não é tarefa para qualquer um
8.3 – O capital humano se distribui de forma desigual entre atividades


9. Os países ricos têm alto conteúdo tecnológico proprietário


9.1 – Setor automobilístico na China, México e Brasil
9.2 – Gurgel
9.3 – Automóveis na Índia
9.4 A incrível sofisticação produtiva da China


10. O desenvolvimento econômico depende da ação do estado e do mercado


10.1 – Novo Desenvolvimentismo
10.2 – A política econômica cujo nome não pode ser pronunciado
10.3 – O Estado empreendedor
10.4 – Israel, Singapura e Irlanda
10.5 – Os campeões internacionais da China


11. Economias complexas são menos desiguais


11.1 – Gini, complexidade e desigualdade
11.2 – A curva de Kuznets
11.3 – Desigualdade e crescimento econômico


12. Erros e acertos no Brasil


12.1 – Zona Franca de Manaus
12.2 – Embraer
12.3 -Weg
12.4 – A lei dos genéricos


13. Conclusão


13.1 – Produzir bananas é diferente de produzir carros
13.2 -Política industrial para o século XXI


 

2 thoughts on “Curso EAD Online Brasil uma economia que não aprende, com André Roncaglia”

  1. Prezados Paulo Gala e André Rocaglia,
    Boa tarde!
    Meu nome é Paulo Roberto Bretas, sou economista e professor do curso Cenários e Desenvolvimento Socioeconômico do Centro Universitário UNA em BH. Também sou conselheiro do CORECON-MG e assessor legislativo na ALMG.
    O livro Brasil uma economia que não aprende é muito bom! Parabéns.
    Gostaria de utilizar o livro de vocês em minhas aulas e para tanto irei sugerir que meus alun@s que adquiram o mesmo.
    Gostaria de saber se podemos fazer uma compra coletiva, em maior quantidade, com desconto. Pode ser o livro eletrônico. Também gostaria de saber se um de vocês poderia fazer uma live conosco numa terça ou quinta-feira, quando leciono a matéria, tratando dos assuntos ligados ao desenvolvimento brasileiro e de suas possibilidades.
    Desde já agradeço e deixo meus contatos.
    Paulo Roberto Bretas (31-988722332)
    paulo.roberto.bretas@gmail.com

Deixe uma resposta