Livro novo no forno! Brasil, uma economia que não aprende

*escrito com Andre Roncaglia



1.Introdução

Da indústria para o uber no Brasil


2. O segredo da riqueza das nações está na fábrica de alfinetes

Divisão do trabalho e retornos crescentes de escala

Desenvolvimento balanceado ou desequilibrado?

Bangladesh e Vietnã

O setor de serviços


3. Breve história da origem do pensamento sobre desenvolvimento econômico         

List contra Ricardo

As manufaturas da Nova Inglaterra

Aço na Coreia do Sul

Navios na Coreia e China


4. Um mundo com centro e periferia

Países ricos são industrializados e países pobres são primário-exportadores

O café no Brasil

O mercado de cosméticos no mundo


5. Quem sai na frente costuma ganhar o jogo industrial

Redes produtivas e dinâmicas de aglomeração

Shenzen

Mittlestand na Alemanha


6. Estruturas produtivas sofisticadas enriquecem países

Complexidade econômica e sofisticação produtiva

A escada tecnológica

Hubs de conhecimento

Diversificação produtiva gera complexidade

Política industrial para sofisticação produtiva


7. Redes complexas são necessárias para se produzir bens sofisticados

Educação não é tudo o que precisamos para alcançar o desenvolvimento econômico

Externalidades em rede e topocracias

Ataris e supercomputadores


8. A sofisticação produtiva depende da geração e acúmulo de ideias

As ideais de Paul Romer

Produzir conhecimento não é tarefa para qualquer um

O capital humano se distribui de forma desigual entre atividades


9. Os países ricos têm alto conteúdo tecnológico proprietário

Setor automobilístico na China, México e Brasil

Gurgel

Automóveis na Índia

A incrível sofisticação produtiva da China


10. O desenvolvimento econômico depende da ação do estado e do mercado

Novo Desenvolvimentismo

A política econômica cujo nome não pode ser pronunciado

O Estado empreendedor

Israel, Singapura e Irlanda

Os campeões internacionais da China


11. Economias complexas são menos desiguais

Gini, complexidade e desigualdade

A curva de Kuznets

Desigualdade e crescimento econômico


12. Erros e acertos no Brasil

Zona Franca de Manaus

Embraer

Weg

A lei dos genéricos


13. Conclusão

Produzir bananas é diferente de produzir carros

Política industrial para o século XXI


14. Apêndice: Manufaturas no mundo


15. Referências Bibliográficas


Cadastre seu e-mail aqui no BLOG para receber informações sobre o lançamento!

12 thoughts on “Livro novo no forno! Brasil, uma economia que não aprende”

  1. Oi Paulo, tudo bem?
    Sou mestrando em Economia Política Mundial na UFABC e meu tema de pesquisa é o processo de falling behind da indústria têxtil brasileira a partir da década de 1980. Enquanto a China decuplicou suas exportações no período de 1980 a 2017, o Brasil manteve um percentual de apenas 0,8% das exportações globais, apesar de estar entre os 10 grandes produtores têxteis nesse mesmo período.
    Seu livro vale ouro para costurar esse processo de desenvolvimento truncado brasileiro e o catching up da indústria asiática. Como posso adquiri-lo?
    Abraço e obrigado!
    Fábio Meneses
    (11)99160-0206
    fabio.meneses@ufabc.edu.br

  2. Excelente proposta e provocacao o livro. Espero poder ler, ou até participar do curso.
    Uma dica bacana que imagino ter Integraçao com o tema do livro é brincar com a ferramenta http://atlas.cid.harvard.edu/ que me parece muito correlata ao livro. Abs

  3. bom dia, por coincidencia hoje cedo vi sua entrevista no jornal da band news, parabens… e lendo o valor de hoje vi o anuncio desse livro, parabens pela iniciativa. abraço

  4. Muito bom dia Paulo. estava lendo spbre seu livro no valor de hoje. gostaria comprar 3 . como faço?

Deixe uma resposta