Microeconomia da Riqueza das nações: a economia “embaixo do capô”

Uma das grandes contribuições de W Leontieff para a economia foi o estudo das matrizes insumo produto. Leontieff estava preocupado em entender o detalhe das estruturas produtivas, o que cada cidade, região e país produziam. O conceito de PIB é ultra agregado e mistura laranja, banana, computador, reator etc. A estrutura de oferta capaz de produzir cada uma dessas coisas é obviamente diferente. Bens super high tech demandam uma estrutura de oferta intensiva em capital humano, com altos Conteúdo tecnológico e paga altos salários.

Para produzir banana basta bom clima. Quando olhamos PIB e PIB per capita temos que lembrar que lá dentro tem muita coisa diferente como destacava Leontieff. César Hidalgo chamou essa abordagem de “under the hood economics”; economia por baixo do capô! Temos que desgregar o “PIB” até chegar nas estruturas produtivas micro e lá vamos descobrir a riqueza e pobreza das nações: produtos e serviços de baixa ou alta complexidade tecnológica e de capital humano! Banana, café, soja, máquinas, químicos, fármacos, etc… Nosso motor é ruim e está quebrado! Ver:

https://medium.com/@cesifoti/under-the-hood-the-computational-engine-of-economic-development-49bce1a7b151

Deixe uma resposta