Brasil: a economia da padoca

Na economia da padoca a maioria das pessoas está empregada em pequenos comércios, restaurantes, cabeleireiros, padarias e farmácias. Não há grandes indústrias high tech, nem serviços empresariais sofisticados e escaláveis. Não há inovação tecnológica, nem novos produtos. Não há economias de escala nem economias de escopo. Em resumo: não há produtividade! Alguma semelhança com o […]

A diferença entre Lula I e II: manufaturas e commodities

A primeira fase do governo Lula foi caracterizada por forte expansão da industria e exportação de manufaturas. Isso pode ser visto na evolução da composição da pauta de exportação e na grande expansão da produção industrial. A segunda fase do governo Lula se caracterizou por forte expansão do credito e retração das manufaturas na pauta […]

Breve história de porque o Brasil não deu certo

Até 1980 estávamos entre as 3 economias do mundo que mais cresciam. Durante o milagre econômico iniciado em 1968 dobramos nossa renda per capita. Crescíamos a taxas chineses de mais de 10% ao ano nos 70. Nossas exportações de manufaturados aumentavam e a indústria de sofisticava. Nosso grande erro, porém, foi não ter feito o […]

O motor do crescimento do Brasil no período 2003-2013: crédito

O gráfico acima mostra a evolução das taxas de crescimento do crédito total no Brasil (livre e direcionado), a taxa de crescimento do PIB e nível médio da SELIC em cada ano. Parece claro no gráfico que a impressionante expansão do crédito no período teve forte impacto na aceleração das taxas de crescimento do PIB; […]

Desvio do câmbio real e conta corrente (%PIB)

Os gráficos abaixo mostram a evolução da conta corrente brasileira (desde julho de 1994 até julho de 2014) como proporção do PIB (eixo da direita) e desvios do Câmbio nominal em relação à taxa de câmbio real estimada com base no IPCA e preço das exportações brasileiras* (eixo da esquerda). É possível perceber dois grandes […]

Consumo de Commodities na China

Em 15 anos o consumo de commodities metálicas e de carvão na China superou todo o consumo do resto do mundo! Os preços explodiram e forçaram a América latina e África à se especializarem ainda mais na produção desses bens. O processo de desindustrialização se agravou, especialmente no Brasil. Ver China a hora da verdade

Movimentos da taxa de câmbio: cuidado!

O gráfico acima mostra a evolução da taxa de câmbio nominal R$/US$ desde o início de 2005 até o final de 2016. Podemos observar quatro grandes períodos de desvalorização da moeda brasileira: o final do regime em Janeiro de 1999, o ataque de 11 de Setembro de 2001, a transição para o governo Lula e […]

A China “destruiu” o Brasil com dois golpes fatais

A China deu dois golpes fatais no Brasil nos últimos 20 anos. Por um lado desalojou nossa indústria no mercado interno e no mercado mundial com preços baratos, dumping, câmbio ultra competitivo e escalas de produção sem precedentes. Por outro lado ao consumir nossa soja e nosso minério de ferro forçou nossa especialização produtiva nesse sentido, […]

Raio X das contas publicas no Brasil

O Gráfico abaixo mostra um raio-x das contas públicas brasileiras. As três grandes contas da república são previdência do sistema INSS (aproximadamente 35M de pessoas), previdência do setor público (aproximadamente 1M de pessoas) e juros da dívida (bancos, fundos de investimento e de pensão públicos e privados). Somando essas contas chegamos a 17% do PIB. […]

O Big Mac e o câmbio no Brasil

Uma das maneiras interessantes de se medir a sobrevalorização de uma moeda é comparar o preço do big Mac em dólares no país em questão com o preço do mesmo em dólares no resto do mundo. Teoricamente uma mesma cesta de produtos deveria ter o mesmo preço ao redor do mundo, especialmente se todos os […]